MENU

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

ATUALIDADES: IDHeC TEM REPRESENTAÇÃO NO ESTADO DO CEARÁ


A diretoria do IDHeC, reconhecendo a dedicação e o empenho de Geraldo Frencken, coordenador do Grupo Dom Helder, na cidade de Fortaleza , encaminhou um convite para que ele seja o representante do IDHeC no estado do Ceará, tanto nas atividades promovidas por seu grupo de estudos, como em outras atividades em que se faça necessária uma representação.

E, foi com muita alegria que a diretoria do IDHeC recebeu a resposta de Geraldo através da carta que transcrevemos abaixo:



Fortaleza, 18 de setembro de 2015,

Caros amigos da Diretoria do Instituto Dom Helder Camara,
       
Desejo que se encontrem em paz.

        Recebi com surpresa o convite de representar o nome do IDHeC em homenagens ao Dom, a serem promovidas por entidades e instituições, em âmbito do Estado do Ceará. Considero o mesmo como um convite feito pelo próprio Dom e jamais poderia negar-me corresponder ao seu desejo, mesmo sabendo das minhas limitações.

        Vivemos num mundo que, impondo-nos seu ritmo apressado, não dá muita chance para a lembrança, a memorização, para o amadurecimento da história. Todavia sou convencido de que nós, que tivemos a felicidade de termos conhecido o Dom em vida e a graça de termos convivido com ele – nem que seja bem pouco como é o meu caso -, somos responsáveis para que o seu legado não se perca, seu testemunho não seja escondido, seus sonhos não se apaguem e sua profecia não caia.

O nosso pequeno “GRUPO DOM HELDER” procura dar visibilidade ao Dom na nossa cidade de Fortaleza, isto é, na cidade dele. Lembro-me muito bem quando, da primeira vez estando em sua companhia nos seus aposentos da Igreja das Fronteiras, ele me perguntava: “E você, de onde é?” Ao responder que vinha de Fortaleza, ele erguia seus braços e exclamava: “Oh Barra do Ceará onde tomava banho de mar!” Esta cidade jamais poderá esquecer-se deste seu filho, humilde em sua grandeza e grande em sua humildade.

Aceito de bom gosto e no espírito de serviço o seu convite, seu pedido, podendo sempre compartilhá-lo com todos aqueles que, nesta terra cearense, desejam manter viva a memória a Dom Helder, certos de que “é graça divina começar bem, graça maior persistir na caminhada certa e graça das graças não desistir nunca das nossas tarefas” (DHC).


Saudação helderiana e abraço do irmão


Geraldo Frencken

Nenhum comentário:

Postar um comentário